Afrobahia celebra o mês da consciência negra no Shopping da Bahia

CULTURA

A população negra ou parda representa 54% dos habitantes do país, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Em Salvador, esse número chega a 82%. Para comemorar o mês da consciência negra e celebrar o empoderamento feminino, o Shopping da Bahia (SDB) realiza a terceira edição do projeto AFROBAHIA entre os dias 11 e 23 de novembro.

Esse ano, a iniciativa traz o tema “AFROBAHIA por elas”, com uma programação diversificada que inclui exposições, bate-papos, palestras, debates, encontros de empreendedorismo além de apresentações artísticas e culturais nesse período. Com atividades abertas ao público, o objetivo é mostrar e valorizar a luta da mulher negra.  

Projeto autoral do SDB, o AFROBAHIA já foi finalista do Prêmio Abrasce, que reconhece e incentiva projetos desenvolvidos por shoppings centers em todo o país.  “O shopping tem uma forte atuação social e nos orgulhamos de promover eventos que são essenciais para o debate coletivo e a valorização da diversidade. O AFROBAHIA chega ao terceiro ano e se consolida como um importante projeto, trazendo também novidades como o incentivo ao empreendedorismo”, afirma a gerente de marketing do Shopping da Bahia, Mayara Diniz.

 

EXPOSIÇÕES – O AFROBAHIA apresenta ao público em 2019 duas mostras fotográficas. A exposição “Cara Preta” ficará em cartaz na Alameda Calazans Neto, no 2º piso, e traz como estrelas as colaboradoras do Shopping da Bahia. “É uma forma de celebrar a identidade afro, valorizando os diversos matizes da pele negra, com a beleza dos nossos talentos femininos que fazem o dia a dia do shopping acontecer”, destaca Mayara.

Os cliques são da fotógrafa Magali Moraes e a make das modelos leva a assinatura de Maili Santos, duas profissionais negras reconhecidas que defendem e promovem a valorização da beleza negra. O nome da mostra está relacionado à sua proposta de destacar fotografias de rostos e também faz referência ao inicio de uma carta, com o termo “cara”, usado frequentemente entre pessoas que se conhecem e possuem algum grau de proximidade.

Já na nova Alameda Luiz Gama, no 3º piso, que leva esse nome em homenagem ao patrono da abolição da escravidão no Brasil, outra exposição lança um olhar sobre a história e personagens que ajudaram a construir e fortalecer a comunidade negra do estado. Com o tema “Afropersonalidades: O protagonismo negro na história do Brasil”, a mostra é organizada pelo Ministério Público da Bahia.

 

PALESTRAS & DEBATES – Com curadoria do Ministério Público, Instituto Iris, parceiro social do Shopping da Bahia, e da aceleradora de negócios Vale do Dendê, o projeto esse ano ganha um ambiente exclusivo na Praça Dorival Caymmi, no 2ºpiso. Será o Espaço AFROBAHIA, onde acontecem palestras, bate-papos, workshops e encontros voltados para celebrar e dar visibilidade ao protagonismo negro.

O espaço contará com a participação de mulheres afroempreendedoras, convidadas pela Vale do Dendê, e da empresária e estilista baiana Najara Black, que revolucionou o conceito de moda afro e é uma das parceiras do projeto esse ano. O objetivo é criar redes de relacionamento, abrindo oportunidades para essas mulheres de negócios divulgarem e venderem os produtos de suas marcas no ambiente.