Bell Marques se despede do Bloco Vumbora e abre espaço para o Camaleão

Bell Marques se despediu do Bloco Vumbora neste sábado (10), antes de abrir a temporada do tradicional Camaleão, de domingo a terça. O cantor mostrou toda sua energia como um dos primeiros artistas a puxar a multidão de foliões do Farol da Barra a Ondina. Com abadás esgotados, o bloco contou com um repertorio de clássicos e novos sucessos de Bell, que levou o folião a loucura sem pausas.

 

Neste domingo (11), é a vez do Camaleão, que completa 40 Carnavais, invadir a Barra com toda sua força e história. Um abadá especial, fogos e alegorias de carnavais passados prometem um passeio pela trajetória do bloco no Carnaval de Salvador, com muita emoção.

 

MARATONA – Até o final do Carnaval de Salvador, o cantor ainda faz shows em dois camarotes, na segunda (12), no Camarote do Nana, e na terça (13), após o Camaleão, no Camarote Parador, em Recife (PE). A festa só termina para Bell no sábado (17), depois que o artista passar por Porto Seguro (BA), Belo Horizonte (BH), finalizando a maratona com dois shows no Rio de Janeiro (RJ), na Sociedade Hípica Brasileira, na Lagoa, e no Camarote Allegria, no Desfile das Campeãs.

 

CARNAVAL BELL MARQUES 2018:

11.02 – Bloco Camaleão

12.02 – Bloco Camaleão + Camarote do Nana

13.02 – Bloco Camaleão + Camarote Parador (PE)

15.02 – Porto Seguro (BA)

16.02 – Belo Horizonte (MG)

17.02 – Hípica + Desfile das Campeãs (RJ)

Bloco Camaleão é homenageado na Câmara de Vereadores em Salvador

Na semana da abertura oficial do Carnaval de Salvador, os fundadores do Bloco Camaleão foram homenageados em sessão solene, na noite de segunda-feira (5), no Plenário Cosme de Farias. 
Aloysio Adolfo Borges Nery, Geraldo Albuquerque da Silva Filho, Joaquim Nery Filho e Marcelo Augusto Borges Nery receberam a Medalha Thomé de Souza, maior honraria do Poder Legislativo soteropolitano.
A homenagem foi proposta conjuntamente pelos vereadores Henrique Carballal (PV), Kiki Bispo (PTB), Mauricio Trindade (DEM) e Tiago Correia (PSDB), este último que se emocionou muito durante a cerimônia.        
A solenidade da Câmara de Salvador celebrou os 40 anos de história do Camaleão, um dos blocos mais tradicionais e concorridos do Carnaval de Salvador. O cantor Bell Marques, responsável por comandar a entidade por quase três décadas, marcou presença e fez questão de parabenizar o Camaleão num discurso bastante emocionante. Ainda durante a cerimônia, momentos históricos do Camaleão foram exibidos, provando que é merecido tanto reconhecimento.
Foto: Divulgação

Fundadores do Bloco Camaleão receberão autorga da Medalha Thomé de Souza

A Câmara Municipal de Salvador (CMS) realiza no dia 5 de fevereiro, às 19h, uma sessão solene de outorga da Medalha Thomé de Souza ao sócios fundadores do bloco Camaleão, Aloysio Adolfo Borges Nery, Geraldo Albuquerque da Silva Filho, Joaquim Nery Filho e Marcelo Augusto Borges Nery.
A honraria é concedida a pessoas que tenham prestado relevantes serviços ao município de Salvador, escolhidas a critério da Mesa Diretora da Casa Legislativa. 
Este ano o bloco Camaleão comemora 40 anos de carnaval e, por isso, seus fundadores serão homenageados em reconhecido por divulgar a cultura baiana para o mundo.

Bloco Camaleão comemora 40 carnavais com noite de festa em Salvador

Uma noite repleta de nostalgia e solidariedade. Assim foi o show em homenagem aos 40 anos do Bloco Camaleão. Sob o comando do cantor Bell Marques, o espetáculo aconteceu na noite desta quinta-feira (18), na sala principal do Teatro Castro Alves, em Salvador.

Plateia lotada, repertório pensado único e exclusivamente para a ocasião. Uma verdadeira viagem no tempo. Bell subiu ao palco do teatro e, acompanhado de sua banda, executou antigos e novos sucessos que fizeram e fazem parte dos 40 carnavais de um dos maiores e mais importantes blocos da folia baiana.

Acompanhado da esposa e dos filhos, Bell não segurou a emoção.
No saguão do teatro, modelos usavam mortalhas que fizeram parte da história do bloco carnavalesco.

Vários artistas e formadores de opinião também prestigiaram o evento e parabenizaram o anfitrião pela comemoração. Uma noite pra ficar marcada na história da Bahia e no coração dos eternos foliões do Camaleão. 

Vale lembrar, que, toda a renda será revertida para o Hospital Aristides Maltez, localizado no bairro de Brotas.

Fotos: Divulgação

Camaleão vai comemorar 40 carnavais no TCA, com show de Bell e renda revertida para o Aristides Maltez

Em 2018, um dos blocos mais tradicionais do carnaval de Salvador o Camaleão, estará comemorando 40 carnavais, 40 anos de uma história inesquecível.

No dia 18 de Janeiro, a partir das 21:00, na sala principal do Teatro Castro Alves irá acontecer o “Especial Camaleão 40 Carnavais”, e ninguém melhor que Bell Marques para, através das suas canções contar e eternizar mais este momento.

Sentimento de total felicidade e sonho realizado, os idealizadores do Camaleão não veem a hora de poder comemorar isso como os camaleoninos espalhados por todo o país e porque não dizer pelo mundo não é verdade, afinal durante estes 40 anos, tudo foi pensado detalhadamente e carinhosamente para que cada desfile do camaleão fosse inesquecível e que a cada ano você pudesse se emocionar, se apaixonar e ser um camaleão de corpo, alma e coração.

E qual a melhor forma de agradecermos todo este sucesso? fazendo o bem claro, pensando nisso, toda a renda deste show comemorativo, será revertida ao Hospital Aristides Maltez para a conclusão das obras, tudo isso contando com as Voluntárias Sociais, que a todo tempo buscam sempre o melhor para aqueles que tanto precisam do nosso apoio.

SERVIÇO:

O Que: Camaleão 40 Carnavais.
Quem Canta: Bell Marques
Quando: 18 de janeiro (quinta-feira), 21h
Onde: Sala Principal do Teatro Castro Alves
Onde Comprar: Bilheteria do Teatro Castro Alves, no site www.ingressorapido.com.br ou nos Sac’s do shopping Barra e Bela Vista
Quanto: 
R$ 800 (inteira) e R$ 400 (meia), das filas A a E – cota reservada para vendas institucionais da produção
R$ 600 (inteira) e R$ 300 (meia), das filas F a J – cota reservada para vendas institucionais da produção
R$ 500 (inteira) e R$ 250 (meia), das filas K a P
R$ 400 (inteira) e R$ 200 (meia), das filas Q a Z
R$ 200 (inteira) e R$ 100 (meia), das filas Z1 a Z11

Bell Marques abre comemorações dos 40 anos do Camaleão

O Espaço das Américas, em São Paulo, virou Carnaval na noite deste domingo (12), com a abertura das celebrações em torno dos 40 Carnavais do Camaleão. Comandada por Bell Marques, a festa arrastou uma multidão de foliões – muitos com seus antigos abadás do tradicional bloco – em torno de um trio elétrico construído especialmente para o show em formato inédito.

“Se é pra fazer loucura, vamos fazer. Posso dizer que fui o primeiro artista a trazer um caminhão pra dentro do Espaço das Américas”, brincou o artista, após 3h de muita música e história.

O projeto antecipa os 40 Carnavais do Camaleão, que serão celebrados oficialmente em 2018, e vai rodar o Brasil contando a história do bloco mais tradicional do Carnaval de Salvador. “É um projeto que nasce com muita emoção e sucesso. Foi lindo e será muito bacana levar um pouco desses 40 anos pro público de todo o país”, celebrou.

Fotos: Divulgação

Bell Marques abre comemoração pelos 40 carnavais do Camaleão em São Paulo

Tão impensável quanto “TV sem novela ou arco-íris sem cor”, não se imagina o Carnaval de Salvador sem o Camaleão, Top of Mind da folia. Praticamente um patrimônio da Bahia, exportando a festa e sua cultura para o Brasil e para o mundo, o bloco é a agremiação mais premiada e completa, em 2018, 40 Carnavais! São 40 anos levando alegria e imprimindo uma marca na maior festa de rua do planeta, a maior parte deles sob o comando de Bell Marques, que foi parte determinante desse sucesso.

Para celebrar a data e o sucesso de tantos quilômetros de avenida, o músico realizará uma série de ações, que terá seu clímax, lógico, no Carnaval de 2018. O projeto Bell Marques – 40 Carnavais do Camaleão abre as comemorações ainda em 2017, antecipando o clima de festa que Bell Marques e quem o segue tanto gostam. A cidade de São Paulo foi escolhida para abrir a temporada comemorativa, no estrelado palco do Espaço das Américas, no próximo dia 12 de novembro.

“São Paulo é uma cidade que amo, como artista e como turista, onde tudo acontece, pra onde os olhos do show business estão sempre virados e acho que o Camaleão merece ter suas homenagens iniciadas num palco tão importante, que respeite sua história, que é nacional”, resume Bell Marques, reforçando que o ápice das homenagens, claro, acontecerá em Salvador, onde espera todos os seguidores: “Vai ser um Carnaval de muita emoção, muito especial pra mim e pros fãs que seguem há tantos anos o Camaleão, muitos deles com a patinha estampada em seus corpos, deixando claro que fizemos todos história juntos”.

Foto: Divulgação